Como podemos ajudar?x
Treinamento e desenvolvimento - como engajar colaboradores

Treinamento e desenvolvimento de pessoas: como engajar colaboradores?

As ações de treinamento e desenvolvimento de pessoas são estratégias muito valorizadas e que agregam em toda a rotina de trabalho, independente do setor.

 

Capacitar colaboradores tornam as empresas mais preparadas para enfrentar desafios, gera resultados eficientes e faz com que o negócio se diferencia da concorrência graças à inovação, experiência e capacidade de refletir essa cultura para o público externo.

 

Porém, mais do que apenas oferecer cursos e formas de treinamento, é preciso criar ações para engajar seus colaboradores em tais práticas.

 

Mesmo com os investimentos das empresas nesse setor, muitas vezes os funcionários ainda enxergam treinamentos como uma perda de tempo ou uma tarefa chata no meio de tantas outras, não é verdade?

 

Por isso, mais do que traçar métodos e objetivos para os treinamentos, é preciso olhar para o engajamento para que a capacitação seja de fato utilizada e bem empregada dentro dos seus setores. Reunimos 6 dicas importantes para seu negócio, confira!

 

1. Faça treinamentos que tenham a ver com seus colaboradores

 

Se muitos treinamentos e capacitações são vistas como desmotivadoras dentro do ambiente de trabalho é justamente por seguirem os mesmos modelos de sala de aula, sem grandes personalizações de acordo com o perfil dos colaboradores e as reais necessidades dos setores.

 

É preciso ir além e para engajar verdadeiramente suas pessoas é necessário unir teoria à prática com ações e metodologias que façam sentido em seu contexto.

 

Para isso, é fundamental conhecer suas pessoas e equipes, entender suas dores e necessidades e incentivar um canal de comunicação aberto para que a empresa conheça suas forças e fraquezas e seja capaz de desenhar treinamentos que tenham a ver com suas pessoas.

 

Oferecer treinamento não é só sobre alugar uma sala para falar sobre determinado tema ou disponibilizar cursos em uma plataforma, mas fazer isso de forma estruturada e estratégica para que cada setor receba a capacitação de acordo com suas necessidades.

 

2. Tenha uma boa plataforma

 

Mais do que nunca, os treinamentos online ganham destaque e são tendências do ano e, para que eles aconteçam adequadamente é preciso ter uma boa plataforma de conhecimento em seu negócio.

 

Contar com uma boa ferramenta é mais do que um local para disponibilizar treinamentos, mas passa a ser também um instrumento de base do conhecimento.

 

Mesmo que os colaboradores façam treinamentos e se qualifiquem, é preciso ter locais que possam ser seus suportes e ofereçam respostas rápidas e contextualizadas para sua rotina de trabalho.

 

Mais do que treinar, é importante se preocupar com o armazenamento e distribuição dessas informações para que o conhecimento se mantenha vivo, seja atualizado durante o trabalho e chegue a todos os componentes do grupo.

 

3. Utilize tecnologia e diferentes metodologias a seu favor

 

Como dissemos, é preciso ir além dos treinamentos de sala de aula e que seguem o mesmo roteiro. Para engajar colaboradores é importante caminhar junto às tendências, tecnologias e todos os recursos que ela oferece a seu favor.

 

Diversas metodologias podem ser utilizadas e aplicadas em seu setor para que o treinamento e desenvolvimento de pessoas seja cada vez mais estimulante e coloque o colaborador no centro do seu aprendizado.

 

E-learning

 

O e-learning é uma forma de aprendizado que utiliza qualquer meio eletrônico para entrega de conteúdos. Dessa forma, o colaborador pode caminhar em sua jornada de aprendizado quando e onde quiser.

 

Dar essa liberdade para o funcionário faz com que o treinamento não se torne uma obrigação em horários fixos na agenda, mas um compromisso que pode ser encaixado de acordo com suas necessidades.

 

Microlearning

 

O microlearning é uma metodologia ativa de ensino que estimula o aprendizado através de “pílulas do conhecimento”, ou seja, conteúdos curtos, como vídeos, imagens, frases, áudios e outros recursos, de rápida assimilação para que a prática seja rapidamente desenvolvida.

 

Essa metodologia torna-se um importante material de consulta durante a jornada de trabalho e é uma excelente forma de manter as pessoas engajadas por sua praticidade e pela sensação real do aprendizado e utilidade no dia a dia.

 

Gamificação

 

Os jogos e atividades lúdicas fazem parte das rotinas e entretenimento das pessoas e utilizá-las como forma de treinamento e desenvolvimento é um grande ganho dentro das empresas.

 

A gamificação é a metodologia que utiliza estratégias e design de jogos, de forma personalizada e contextualiza, para estimular o desafio e o aprendizado. Dentro dos jogos é possível trabalhar com competições, pontuações e outras técnicas que motivam e estimulam os colaboradores, sejam individualmente ou em grupos.

 

Chatbos internos

 

Os chatbots são ótimas ferramentas para marketing, vendas, suporte e atendimento ao cliente, não é mesmo? Então por que não investir no seu potencial internamente?

 

Cada vez mais os chatbots tem sido utilizado de forma interna e são excelentes companheiros para desenvolver pessoas.

 

Os robôs inteligentes podem atuar no suporte durante a rotina de trabalho e, mais do que ser um mecanismo de busca, podem ser planejados para ser uma espécie de microlearning, oferecendo conhecimento de forma leve e rápida nas oportunidades em que ele fizer sentido.

 

4. Invista na cultura de educação

 

Não adianta investir em plataformas e treinamento e desenvolvimento de pessoas se a educação não for de fato um pilar em sua empresa. É essencial incentivar verdadeiramente o crescimento e conhecimento das pessoas, de qualquer forma que seja.

 

Criar uma cultura de educação corporativa faz com que os colaboradores reconheçam a importância de tais ações e valorizem o cuidado que a empresa tem ao se dedicar nesse setor.

 

Não basta exigir que as pessoas dediquem seu tempo para treinamentos e é importante também incentivar a troca de conhecimento entre colaboradores e o aprendizado e construção coletiva.

 

Isso pode ser feito desde ações simples como espaços em sua plataforma de gestão do conhecimento para divulgações de eventos, palestras, cursos, incentivo para treinamentos internos ministrados pelos próprios colaboradores ou até mesmo auxílio financeiro para cursos estratégicos ou flexibilidades em horários para participações de eventos educativos, por exemplo.

 

O importante é que o aprendizado e a gestão do conhecimento seja realmente viva em sua organização.

 

5. Dê feedbacks

 

Não basta oferecer treinamentos e desenvolvimento para suas pessoas e não acompanhar seu desempenho. Em conjunto com o RH, é importante que os gestores tenham atenção às jornadas das pessoas em sua capacitação.

 

A partir desse acompanhamento, dê feedbacks para seus colaboradores. Dar retornos de forma individual sobre o desempenho de cada funcionário faz com que ele perceba o empenho da empresa em promover o seu crescimento individual e se sinta valorizado, engajando cada vez mais com as ações propostas.

 

E, negativo ou positivo, o feedback é uma ferramenta construtiva para incentivar e motivar os talentos e deve ser implementado não apenas após treinamentos, mas de forma frequente dentro do ambiente de trabalho.

 

 

6. Recompense colaboradores

 

As pessoas, no geral, são movidas e motivadas por recompensas e reconhecimentos e elas podem também ser importantes dentro da jornada de treinamento e desenvolvimento de pessoas.

 

Aqui, não falamos exatamente sobre recompensas financeiras, mas também outros benefícios como folgas extras, ingressos de cinemas, vouchers de lojas e serviços e brindes, por exemplo.

 

Isso pode ser feito através de estruturas gamificadas de rankings ou pontuações de desempenho e engajamento com os treinamentos e, aqueles que atingirem os melhores resultados são recompensados.

 

Além de estimular competição saudável, essa é uma forma de valorizar o esforço individual e da equipe dentro de suas atividades.

 

Engajar colaboradores nas ações de treinamento e desenvolvimento de pessoas é essencial para que os resultados sejam verdadeiramente percebidos e para que a cultura de aprendizado se mantenha em constante atualização dentro dos setores.

 

Capacitar pessoas é essencial para as entregas e para que a excelência seja percebida por todos os seus clientes, gerando ainda mais negócios, fidelização e diferenciação de sua empresa.

 

Os colaboradores são grandes ativos das empresas e é preciso fornecer ferramentas e conhecimento para que seu trabalho seja realizado com foco nos objetivos e estratégias traçadas.

 

Como está o cuidado de sua empresa com treinamento e capacitação e como anda o engajamento de seus colaboradores nessas ações? Coloque nossas dicas em práticas e perceba ainda mais resultados!

 

Aproveite e confira tendências de treinamento e desenvolvimento de pessoas para 2021 para que sua empresa saia na frente no mercado!

 

Treinamento e desenvolvimento - tendências

 

admin